Paula Santana
Paula Santana é jornalista e atua em redação há 20 anos. Esteve nos grandes jornais de Brasília, especialmente nas editorias de cultura, entretenimento e luxo. Especializou-se em moda e lifestyle. Idealizadora e fundadora da GPS|Brasília, desde 2011 está à frente do departamento editorial do site e revista, onde responde como diretora de Conteúdo.

Yes, we did

POR Paula Santana   
|   11/01/2017 09:50 ( atualizada 11/01/2017 09:50)   

Em seus últimos momentos na presidência dos Estados Unidos, Barack Obama fez um discurso de despedida na noite de ontem, 10, em Chicago. Durante quase uma hora de fala, Obama pediu aos americanos que se unam para lutar contra os desafios que ameaçam a democracia norte-americana. Em um discurso emocionado, ele alertou o povo americano que uma mudança nos rumos do país só ocorrem "quando as pessoas comuns se envolvem para exigi-la".

No próximo dia 20, Obama deixará a presidência dos Estados Unidos após oito anos no cargo, assim, o presidente eleito Donald Trump assumirá no seu lugar, sobre isso, Obama disse:
"Me comprometi com o presidente eleito Trump de que a minha equipe garantiria a transição mais suave possível, assim como o presidente Bush fez comigo. Por que cabe a todos nós garantir que o nosso governo possa enfrentar os muitos desafios que virão". Mesmo afirmando a transferência pacífica, o público vaiou Trump no momento.



Ao citar suas filhas e a primeira-dama, Michelle Obama, quem fez o seu último discurso no dia 6 de janeiro, o presidente se emocionou e agradeceu o apoio da família durantes os oito anos de mandato: "Pelos últimos 25 anos você foi não apenas e minha esposa e mãe das minhas filhas, você foi minha melhor amiga. Você assumiu um cargo que nunca pediu e fez isso com graça, estilo e bom humor”. E prosseguiu: “Você fez da Casa Branca um lugar que pertence a todos. E uma nova geração sonha mais alto, porque teve você como modelo. Você me deixou orgulhoso. Você deixou o país inteiro orgulhoso”,
disse. E não deixou de agradecer ao povo americano: "Vocês me fizeram um presidente melhor (...) Vocês me fizeram um homem melhor". O Ele encerrou o discurso repetindo a frase que o consagrou em sua primeira campanha eleitoral: sim, nós podemos (Yes, we can).

Nas redes sociais, personalidades, artistas, estilistas e grande parte do povo americano agradeceu o presidente com homenagens. Confira:






 


Todos os direitos reservados - 2014
Política de Privacidade
Termos e Condições
Anúncie Conosco:
SHIS QI 05, Bloco F, sala 122, Centro Comercial Gilberto Salomão
CEP 71615-560 - Brasília - DF - Brasil
Telefone: +55 (61) 3364-4512 | Email: info@gpsbrasilia.com.br
{slideshow_baner}